WhatsApp

Blog DDZarabatana

Mosquito da dengue e pernilongo: Quais são as diferenças?


Mosquito da Dengue x Pernilongo
12 de setembro de 2017

Aprenda a diferenciar o mosquito da dengue do pernilongo comum.

A preocupação com a dengue sempre reaparece quando a gente vê um mosquito voando no local. A preocupação vem quando eles pousam na gente.

Com tantas notícias sobre a dengue e o Aedes aegypti não tem como não ficar preocupado. As perguntas logo surgem: Será que é o mosquito da dengue? Será que tem algum foco de dengue perto de casa, ou em casa? Será que já fui picado e vou ser mais um nas estatísticas da dengue?

Em Mato Grosso do Sul é muito comum esta preocupação, assim como em diversos Estados do Brasil. A preocupação com a dengue deve sim existir. No entanto é muito importante entender a diferença entre o pernilongo comum e o mosquito da dengue.

Neste artigo vamos explicar as principais diferenças entre o mosquito da dengue do pernilongo comum.

Diferenças entre o mosquito da dengue e o pernilongo comum

A primeira grande diferença está na denominação científica. Os dois insetos pertencem a famílias diferentes. O mosquito da dengue é o já conhecido Aedes Aegypti, enquanto o pernilongo pertence à família dos Culex quinquefasciatus.

Por fazerem partes de famílias diferentes de insetos, podemos identificar a olho nu a diferenças entre eles. Entre as principais diferenças entre o mosquito da dengue do pernilongo comum estão:

Cor

O Pernilongo (Culex quinquefasciatus) possui tom monocromático marrom, muito comum nos insetos, o que faz ele muitas vezes não ser identificado com facilidade.

Já o Aedes Aegypti possui o corpo preto com listras brancas. A sua coloração “zebrada” facilita a sua identificação em diversos locais.

Tamanho

O tamanho do Culex quinquefasciatus é entre 3 a 4 milímetros, enquanto o Aedes Aegypti pode medir entre 5 a 7 milímetros. Parece pouco, mas é praticamente o dobro do tamanho. Só de bater o olho é possível identificar a diferença entre um e outro.

Horário de alimentação

O Aedes Aegypti geralmente ataca próximo do horário de almoço, entre as 9h e 13h. Enquanto isso os pernilongos possuem hábitos noturnos.  Culex quinquefasciatus costumam procurar por alimentos a partir das 18 horas.

O barulho do voo

Aquele barulhinho chato que a gente escuta quando está tentando dormir é uma forte característica dos pernilongos. Em contrapartida o Aedes Aegypti é um mosquito silencioso. Ninguém o escuta quando ele chega.

Velocidade de voo

Se você quer se proteger da dengue com raquete elétrica, essa dica é pra você. O Aedes Aegypti voa muito rápido e ágil! Vai ser difícil você matar ele com raquete elétrica, com batida de palma ou com uma chinelada.

Agora se você quer se livrar do barulho terrível que os pernilongos provocam durante a noite, saiba que o Culex quinquefasciatus voam bem mais lentos do que os Aedes Aegypti. Usar raquetes elétricas contra pernilongos é bem eficaz!

Marca da picada

Enquanto o Culex quinquefasciatus deixa sua marca por onde ele passa como: pele irritada, coceira e vermelhidão.  O Aedes Aegypti não deixa sinais, marcas, dor ou coceira. O Mosquito da dengue pica, suga seu sangue e vai embora não deixando nenhum rastro.

Podemos dizer então que o Aedes Aegypti é praticamente um ninja dos mosquitos. Silencioso, não deixa rastros e mortal.

Além da transmissão da dengue é preciso lembrar que o Aedes Aegypti é o responsável também pela transmissão da febre chikungunya, febre amarela e o Zika Vírus.

Prevenção contra os mosquitos

Para evitar o surgimento de pernilongos e mosquitos da dengue precisamos evitar a água parada. A diferença é que o Aedes Aegypti prefere água limpa e tem os ovos mais resistentes do que os ovos do Culex quinquefasciatus.

Tanto o Culex quanto o Aedes botam seus ovos no mesmo lugar. Em água parada. A diferença é que o Aedes prefere água limpa e tem os ovos muito mais resistentes.

Seguem alguns cuidados para evitar o surgimento destas duas pragas urbanas

  • Mantenha a caixa d’água sempre com a tampa adequada e manutenção em dia;
  • Evite o entupimento de calhas através da limpeza e manutenção periódica;
  • Não deixe a água da chuva se acumular na laje da casa;
  • Tampar com areia ou terra pequenos buracos em calçadas e pisos externos de casa;
  • Lave com escova e sabão todos os containers de água;
  • Encha o pratinho dos vasos das plantas com área para evitar o acumulo de água;
  • Não deixe nenhum objeto que possa acumular água em local aberto;
  • Troque a água dos seus animais de estimação todos os dias e lave os potes uma vez por semana;

Tomando as atitudes citadas você poderá ficar mais tranquilo em relação a presença dos mosquitos da dengue e pernilongos.

Ajuda profissional

Entre em contato com a DDZarabatana e conheça nossos serviços de dedetização. Entre em contato no (67) 99215 0753. Ou se preferir entre em contato por e-mail pelo formulário de contato:  http://www.ddzarabatana.com.br/contato/

Voltar Entre em Contato